Propostas de Dissertações e Teses são defendidas por integrantes e pesquisadores do NISP e do OBISF

Entre os dias 26 e 30 de setembro de 2019, nas dependências da ESAG/UDESC, membros do Núcleo de Inovações Sociais na Esfera Pública (NISP) e pesquisadores do Observatório de Inovação Social de Florianópolis (OBISF) qualificaram as suas propostas de pesquisas de dissertação e de tese, vinculados ao programa de pós-graduação em administração, mestrado acadêmico e doutorado.

A primeira qualificação foi realizada no dia 26 de setembro de 2019 pela pesquisadora Mariana Carneiro Fraga, do mestrado acadêmico. A proposta defendida foi: “Arena pública de gênero: um estudo a partir do ecossistema de inovação social de Florianópolis”, tendo como orientadora a Profª Drª Graziela Dias Alperstedt. A professora também é orientadora da pesquisadora Priscila Keller Pires que, ainda no dia 26, defendeu a sua proposta de tese com o tema: “Lógicas de justificação dos negócios de impacto social: um olhar para a sociomaterialidade”.

Dando continuidade às qualificações, no dia 27 de setembro foi a vez do pesquisador João Vitor Libório, orientado pela Profª Drª Carolina Andion, defender a sua proposta de dissertação de mestrado com o tema: “Atuação das organizações da sociedade civil junto à política de garantia dos direitos da criança e do adolescente em Florianópolis”.

No último dia 30 de setembro, fechando a rodada de qualificações dos pesquisadores vinculados ao NISP e ao OBISF, o pesquisador doutorando Anderson do Espírito Santo defendeu sua proposta de tese. Orientado também pela Profª Drª Carolina Andion, Anderson defendeu o tema: “No Rural tem inovação social? Um estudo em dois assentamentos rurais na zona fronteiriça Brasil-Bolívia”.

As duas propostas de dissertação estão diretamente relacionadas às atividades do OBISF. Priscila realizará parte de sua pesquisa em Portugal, onde passará um período em doutorado sanduíche, na Nova School of Business and Economics (NovaSBE) sob a supervisão do professor Miguel Pina e Cunha. Anderson analisará as inovações sociais em dois assentamentos rurais na fronteira Brasil-Bolívia.

1 comentário sobre “Propostas de Dissertações e Teses são defendidas por integrantes e pesquisadores do NISP e do OBISF”

Deixe uma resposta