Equipe do OBISF se reúne e define frentes de trabalho para 2019.

Dando continuidade aos trabalhos que vem sendo desenvolvido no Observatório de Inovação Social de Florianópolis – OBISF a equipe se reuniu na última sexta-feira (26/4) sob orientações das professoras Graziela Alperstedt e Carolina Andion para definir as frentes de trabalho que vem sendo desenvolvidas desde 2017, o início do OBISF, e a implantação de novas frentes.

Algumas frentes de trabalho debatidas na reunião foram: a Arena da Criança e do Adolescente; da Desigualdade e Gênero; dos Resíduos Sólidos e do Fórum de Políticas Públicas de Florianópolis.Na oportunidade também foi planejado a atualização/pesquisa sobre Leis e dispositivos, os problemas públicos e a Comunicação do Obisf.

O que é?

O Observatório de Inovação Social de Florianópolis (Obisf) é uma plataforma digital e colaborativa, de acesso livre, que visa mapear, dar visibilidade e fortalecer a rede do Ecossistema de Inovação Social (EIS) da Capital.

Resultado de uma parceria com diversas instituições representativas do poder público, do meio empresarial e da sociedade civil que compõe o EIS de Florianópolis, a plataforma foi desenvolvida por uma equipe de pesquisadores, professores e estudantes  da Udesc Esag, por meio de uma pesquisa coordenada pelas professoras Carolina Andion, líder do Núcleo de Inovações Sociais na Esfera Pública (Nisp), e Graziela Alperstedt, coordenadora do Laboratório de Educação para a Sustentabilidade e Inovação Social (Leds). 


Clique aqui e conheça como foi o lançamento e a proposta do OBISF

O que foi feito?
O Observatório de Inovação Social de Florianópolis (OBISF) divulgou recentemente um relatório com as atividades realizadas ao longo do ano de 2018 e com os primeiros números dessa plataforma digital colaborativa que visa mapear, dar visibilidade e fortalecer a rede do Ecossistema de Inovação Social de Florianópolis, que em setembro/2018 completou 1 ano.


Clique aqui e conheça o nosso relatório de atividades ano 2018

Deixe uma resposta